menu x
menu x

Felicidade = Conforto?

  • 12 de junho de 2019

Preciso ser feliz o tempo para a vida valer a pena? 

 

Deixa eu contar uma coisa: crescer dói. Mas ficar estagnado dói também! A diferença está no resultado que você alcança, e quando você paga a conta. 

 

“Deixa eu contar uma coisa: crescer dói. Mas ficar estagnado dói também!”

 

Postergar a dor do crescimento faz com que você permaneça nessa zona (que muitas vezes acha que é de conforto), que evite gastar energia para mudar uma situação que provavelmente gostaria que fosse diferente. Pode ter certeza que a conta chega. E não realizar nada agora vai fazer com que mais à frente você tenha que executar muito mais, com muito menos tempo e provavelmente menos chances de sucesso. 

 

Acreditar que uma situação é estática e que assim vai permanecer, não passa de uma grande ilusão. É como acreditar apenas no que seus olhos veem, desconsiderando todo o restante da realidade que existe, independentemente de você enxergá-la ou não. 

 

Existe um mundo ao seu redor, com muito mais variáveis que você pode identificar, e com uma dinâmica própria da qual você não tem controle. E para fazer com que a situação permaneça estática, você teria de conter todo esse entorno. Quer saber? É impossível! 

 

Por outro lado, buscar uma evolução contínua dá trabalho, exige esforço, tentativas, erros e acertos. Isso tudo pode parecer penoso, mas não passa de um reflexo do seu cérebro tentando manter você vivo numa época que não existe mais. 

 

Explico. 

 

Imagine você dependendo da caça para comer, e tendo que estar preparado para fugir caso vire uma presa fácil. É um cenário em que economizar energia é vital para a sobrevivência. É exatamente isto que seu cérebro aprendeu a fazer para sobreviver – com a diferença de que hoje você encontra supermercado 24h, resolve importantes necessidades com o celular que está no seu bolso e a energia que precisava economizar para fugir pode ser empregada em outros fins. 

 

Sua mente está programada para lhe manter vivo – mas ser feliz é sua responsabilidade! 

 

A felicidade se sustenta na busca contínua da conquista, numa jornada com algumas frustações e muitos aprendizados – mas com uma enorme recompensa ao final. 

 

O paradoxo de fugir de um sofrimento para alcançar felicidade é uma falácia. Não é sobre o desconforto que você sente agora, e sim sobre a história que você vai se orgulhar de contar.  

 

“Não é sobre o desconforto que você sente agora, e sim sobre a história que você vai se orgulhar de contar.”

 

Use o desconforto para te alavancar à uma conquista que valha a pena, ao invés de buscar um bem-estar momentâneo. 

 

Porque, como já dizia um antigo comercial: ‘Potência não é nada sem controle’. 

 

Grande Abraço!

Cesar Castaldi

 

Cadastre seu email para receber novidades e conteúdos exclusivos!
  • 12 de junho de 2019

Divertir-se Faz Parte da Jornada

Divertir-se Faz Parte da Jornada   "Em caso de despressurização, máscaras cairão automaticamente. Coloque-as sobre o seu nariz .. e…
CONTINUE READING

“Mas e se eu falhar?!”

"Mas e se eu falhar?!"   E se você viver sem tentar?   Essa é a pergunta certa a se…
CONTINUE READING